O que você esta procurando?

FEISMA - Palestra Gratuita - SONNEN ENERGIA

Energia Solar: Investimento e economia Dia 18 de novembro de 2017 às 19h no auditório da FEISMA. (Vagas Limitadas)

Como conheceu a Sonnen Energia?
Rede SocialE-mail MarketingJornalPesquisa GoogleOutros

Energia solar e seus benefícios para a humanidade

Energia solar e seus benefícios para a humanidade

Energia solar

O Sol produz 400.000.000.000.000.000.000.000.000 Watts de potência a cada segundo, e estima-se que continuará existindo por pelo menos outros 5 bilhões de anos.

A energia solar é a fonte responsável por prover a maior parte da energia consumida em nosso planeta. Os seres humanos, animais e plantas, contam com o Sol para geração de calor e alimento. Entretanto, as pessoas também aproveitam a energia do Sol em muitas outras maneiras distintas. Por exemplo: combustíveis fósseis e biomassa são usados para transporte e geração de energia elétrica. Ou seja, é essencialmente apenas a energia solar armazenada de milhões de anos atrás. Da mesma forma, a biomassa converte a energia proveniente do Sol em combustível, que pode então ser usada para gerar calor, transporte ou energia elétrica.

A energia eólica é usada há centenas de anos para fornecer energia mecânica ou para o transporte. Utiliza correntes de ar que são criadas por ar solar aquecido e pela rotação da Terra. Atualmente, turbinas eólicas convertem energia eólica em eletricidade.

Hidroeletricidade também é derivada a partir do Sol. Hidrelétricas dependem da evaporação da água pelo Sol, e seu posterior retorno à Terra em forma de chuva para fornecer água às barragens. A energia solar fotovoltaica é um método simples da conversão direta da energia proveniente do Sol. Dispositivos fotovoltaicos (células solares) são únicos, pois realizam a conversão direta da radiação solar incidente em eletricidade, sem ruído, poluição ou partes móveis (existem opções com rastreamento), tornando as células robustas, confiáveis e de longa duração.

 

Energia solar térmica

É importante entender que a tecnologia solar térmica não é o mesmo que a tecnologia solar fotovoltaica. A geração de energia solar térmica concentra a luz do Sol para criar calor, e esse calor é usado somente para aquecimento de água, ou muitas vezes também é usado para gerar energia através de uma usina termoelétrica. O fluído aquecido pela luz solar concentrada pode ser um líquido ou um gás. Diferentes fluídos incluem água, óleo, sais, ar, nitrogênio, hélio, etc.

 

Energia solar fotovoltaica

A energia fotovoltaica é a conversão direta da luz solar em energia elétrica através de células solares. Atualmente é a forma de geração de energia que mais cresce percentualmente no mundo. Em termos de pesquisa e desenvolvimento, a energia fotovoltaica recebeu seu primeiro grande impulso com a indústria espacial na década de 1960, cujas necessidades apresentavam uma fonte de alimentação separada da rede de energia para aplicações de satélite. Essas células solares espaciais eram milhares de vezes mais caro do que as comercializadas atualmente.

Foi necessário a crise do petróleo durante a década de 1970 para concentrar a atenção do mundo sobre a conveniência de se utilizar fontes alternativas de energia para uso terrestre, o que por sua vez promoveu a pesquisa da energia fotovoltaica como um meio de geração de energia na Terra. Embora a crise do petróleo tenha apresentado uma vida curta, o que acabou reduzindo os incentivos financeiros para desenvolvimento de células solares, as mesmas se tornaram uma tecnologia de geração de energia. A sua aplicação e vantagem para uso em áreas remotas foi rapidamente reconhecida. Aplicações portáteis de pequena escala (como calculadoras e relógios) foram utilizadas e começaram a se beneficiar desse tipo de energia.

Na década de 1980 a pesquisa em células solares de silício começaram a aumentar a sua eficiência. Em 1985 as células solares de silício alcançaram a marca de 20% de eficiência. Durante a próxima década, a indústria fotovoltaica experimentou taxas de crescimento estáveis entre 15% e 20 %, em grande parte, promovido pelo mercado de fontes de alimentação para uso em áreas remotas. O ano de 1997 apresentou um crescimento de 38% e hoje células solares são reconhecidos não apenas como um meio para fornecer energia elétrica e aumento da qualidade de vida para aqueles que não têm acesso à rede convencional, mas também por ser um meio de diminuir significativamente o impacto de danos ambientais causados pela geração de energia elétrica convencional em países desenvolvidos, cuja matriz energética é composta principalmente por fontes geradoras a partir de combustíveis fósseis.

Sem comentários
Deixe um comentário